Qual a melhor forma de investimento financeiro?

Lidar com dinheiro, números, contas e calcular lucros, ainda são tarefas que assustam muita gente.

E esse medo é o grande vilão que faz com que a maioria das pessoas ainda tenha dificuldades de entender e ir atrás de um bom investimento financeiro.

Por certo, muitas dúvidas surgem no meio do caminho, tais como:

Onde investir? Qual o momento certo? Quanto devo investir? Posso fazer mais de um investimento? Vale a pena correr o risco? E se eu não tiver retorno?

Vamos com calma! Primeiramente, fique tranquilo!

Saiba que todas essas dúvidas são normais e muito importantes.

Por isso, quanto mais você se questionar e buscar informações sobre o assunto, maiores são as chances de você fazer um investimento correto e mais assertivo.

Os investimentos financeiros englobam diversas formas de você aplicar seu dinheiro e ter retorno de lucros a médio ou longo prazo.

Mas,antes de começar a investir, que tal conhecer melhor as principais formas de investimento disponíveis no mercado? Confira abaixo!

PRINCIPAIS TIPOS DE INVESTIMENTO FINANCEIRO

– Caderneta de Poupança

A mais conhecida, mais aderida e mais popular forma de investimento atualmente (e há muito tempo), ainda é a Caderneta de Poupança.

Que nada mais é que basicamente depositar certa quantia de dinheiro na sua conta poupança, do banco de sua preferência, e esperar o dinheiro render.

Essa forma de investimento é a mais utilizada pelos brasileiros devido a sua praticidade e por não ser necessário um conhecimento avançado em mercado econômico.

É muito simples! Basta ir até o banco, apresentar seus documentos principais e informar que deseja abrir uma conta poupança.

Outra vantagem da caderneta de poupança é a possibilidade de investir qualquer quantia, mesmo as mais baixas.

Por exemplo, você pode se programar, por exemplo, para investir R$10,00, ou até menos, que já está valendo.

Como resultado, o rendimento da poupança gira em torno de 0,4% ao mês e não tem cobrança de impostos.

– Tesouro direto

O Tesouro Direto é outra forma de investimento financeiro que vem se tornando popular e bastante buscada por nós brasileiros. O Tesouro Direto é considerado um investimento de baixo risco e no que quesito segurança ganha até mesmo da poupança.

Esse meio de investimento funciona da seguinte maneira: o interessado adquire títulos públicos e então o dinheiro investido é direcionado para o financiamento de gastos do governo.

O rendimento do tesouro direto é variável, dependendo do tipo de título adquirido.

A diferença desse investimento para a poupança é que o interessado deve se cadastrar em uma corretora ou banco, além de ter um prazo mínimo para a retirada do dinheiro.

Imóveis e terrenos

A compra e venda de imóveis é uma forma muito conhecida de investimento também. Porém, exige do investidor um poder de capital um pouco maior.

Caso você receba um dinheiro inesperado ou tenha um valor “sobrando”, suficiente para comprar um imóvel ou terreno, não pense duas vezes para investir.

Investimentos desse tipo têm chances mínimas de prejuízo. Na maioria esmagadora das vezes, os imóveis valorizam com passar dos anos e o lucro vem na hora de vender!

Dica valiosa: antes de comprar, pesquise bem sobre a região (cidade, bairro, rua) onde você vai investir, e estude as chances de crescimento do local. Quanto mais a região crescer – com as construções de shoppings, faculdades, comércios, etc – maior será a valorização do seu imóvel, e assim o retorno financeiro.

Powered by Rock Convert

Câmbio

Esse investimento funciona com base no dólar. Por isso, é necessário ter o mínimo de entendimento em economia e política. O fundo de investimento cambial está atrelado à variação do valor das moedas, por isso os riscos são grandes, você poderá ganhar muito dinheiro, como poderá perder também.

Interessados que optam por essa forma de investir, normalmente estão dispostos a “perder” hoje para “lucrar” amanhã. Essas pessoas se enquadram em um perfil visionário e analítico, pois conseguem estudar com frieza as políticas e movimentações no cenário socioeconômico mundial.

Powered by Rock Convert

Ouro

O bom e velho ouro. Uma das formas mais antigas de investimento e que segue entre as principais até hoje. Mas, assim como o investimento cambial, investir em outro também é correr riscos.

A constante oscilação pode gerar lucros exorbitantes, tanto quanto perdas lastimáveis. Novamente, investidores mais experientes levam vantagens.

A compra e venda de ouro é feita por meio de compras de ações, no BM&FBovespa. O valor de investimento pode ser baixo, porém é necessário um certo nível de conhecimento para saber quando comprar e quando vender.

Mercado de ações

Aqui está o grande fantasma de quem deseja começar a investir e não sabe como. Quando pensamos em investimento financeiro, logo vem à mente aquelas pessoas gritando com o telefone na mão e um telão cheio de números, localizado em Wall Street.

Isso é o mercado de investimento em ações. Que nada mais é do que a compra de “papéis” que representam parte minoritária de uma grande empresa.

Sendo assim, Existem diversas formas de investir no mercado de ações, algumas delas com investimento maior, te dão até mesmo o poder de votar em decisões importantes da empresa.

O lucro se dá por meio das vendas desses papéis/ações.

Mas, cuidado, se a empresa por algum motivo se desvalorizar, você também perderá. Se você tem interesse nessa forma de investimento, recomendamos uma pesquisa mais elaborada, estudos e conversas com especialistas.

Se você deseja investir, invista! Com certeza existe um modelo ideal para a sua renda e estilo de vida. Investimento financeiro é o segredo para lucrar sem grandes esforços e garantir um futuro melhor para você e sua família.

Enfim, o que você está esperando? Se ainda tiver dúvidas, deixe seu comentário aqui no blog. Se precisar de ajuda, conte com a gente. Um consultor financeiro tem papel fundamental no auxílio e tomada de decisões de quem deseja fazer o seu dinheiro render. Acesso o site e saiba mais www.luanduarte.net.br